FANDOM


Grande área alagada localizada na parte leste de Gaja, a oeste do Pantanal de Gaja.

A Floresta Alagada é basicamente uma extensão do Pantanal de Gaja, mas a diferença básica entre os dois é que nesta região as árvores existentes não apodreceram como no Pantanal, mesmo com a água cobrindo dois ou três metros de seus caules.

Assim a água da região não tem tanto o aspecto de podre, como a água do Pantanal, e a região não é totalmente inacessível, mas continua sendo uma região perigosa, governada pelos reptilianos (homens-lagarto) e seus lacáios homens-sapo. As ruínas das antigas cidades não foram reencontradas, e onde há ruínas, há quem se disponha a buscá-las, mesmo sabendo que poucos são os que voltam destes intentos.

Gaja sempre teve fontes de mana azul abundantes, além obviamente das fontes de mana verde, mas há quem especule que, apesar de todo o estrago, o Ragnarök criou na região fontes especiais de mana e há rumores de que pode haver na região, entre a Floresta Alagada e o Pantanal de Gaja, uma sede de uma escola trina secreta. Esta suposta escola trina deve ser uma união de magos verdes e azuis com magos negros ou magos brancos, não tenho muita certeza.

Os lugares mais importantes da Floresta Alagada são:

Porto Forte, já era o mais importante porto de Gaja antes do Ragnarök, teve vários problemas para recuperar sua navegabilidade.

Blualando, está apenas na margem da Floresta Alagada, mas parte da cidade está se expandindo dentro da Floresta Alagada.

Æ, vila pequena e sem muita expressão, próxima à vila de .